Para aceder à Extranet, clique AQUI.
Pool para gerir recursos
Ficha n.º 14.486
Publicado por: Carolina Esteves Almeida
05/06/2014

Sumário:

PARTE I
No processo de gestão de recursos na modalidade de pool, efetuou-se um conjunto de alterações face ao processo numa pool para gestão partilhada de viaturas, a saber:
  1. na homepage da aplicação, alterou-se o pedido de utilização, que passou a surgir num link rápido próprio;
  2. alguns estados do processo passaram também a ter outras denominações;
  3. para o porteiro, o local onde informa quando iniciou e quando terminou o serviço apresenta algumas diferenças;
  4. por último, alterou-se ainda a atribuição, que é, agora, automática.
PARTE II
Num segundo momento da presente ficha de apoio, consta, ainda, uma explicação do modo de criação e de fecho do processo de partilha de recursos, assim como os estados deste tipo de processo.

Implementação:

PARTE I

HOMEPAGE
Com a nova versão da aplicação, na homepage, consta, agora, um link a partir do qual é possível requerer um processo pool de recursos que difere daquele que é utilizado na requisição de um veículo pool. (Vide imagem abaixo.)


ESTADOS
Uma pool de recurso diferencia-se de uma pool normal na designação do estado Levantamento, o qual se denomina Entrega, e do estado Circulação, que se denomina Em curso.


PORTARIA
Na portaria, se a pool for de recurso, não existe a opção de entrada e os quilómetros de fecho aparecem preenchidos com os quilómetros atuais. Se a pool for de recurso, apenas é possível registar o início e fim da utilização do recurso.


ATRIBUIÇÃO
Numa pool de recurso, se o recurso for único ou se todos os recursos forem idênticos, por exemplo, no caso de duas máquinas de lavagem, quando o grupo é de atribuição automática, o gestor da pool nada tem a fazer, tendo apenas de intervir quando for necessário cancelar um processo por forma a libertar o recurso.



PARTE II

MODO DE CRIAÇÃO DO PROCESSO DE PARTILHA DE RECURSOS
Ao clicar no link rápido Recursos, surgirá, então, o ecrã que apresentamos na imagem que se segue:

No menu pull-down associado ao campo Tipo, disponibilizam-se três opções de tipos de processo (normal, urgente e registo), a serem selecionados de acordo com as necessidades do cliente.

Normal
Processo que segue o circuito de autorizações

Urgente
Processo que dispensa autorização inicial. A autorização é requerida depois da utilização do veículo.

Registo
Processo que se destina a registar a utilização sem qualquer validação.


Numa pool de recurso, basta especificar a data/hora de início do processo.


ESTADOS DO PROCESSO DE PARTILHA DE RECURSOS

O funcionamento do processo de pedido é em tudo idêntico ao do processo pool.

Ao efetuar o pedido, o processo pode ficar em espera, se o recurso não está disponível para aquele período, ou em autorização, se necessita de autorização; se nenhum dos estados anteriores se verificar, dá-se de imediato a atribuição, que é sempre automática, e o processo passa ao estado entrega. Quando se inicia o serviço, o utilizador associado ao local onde está o recurso coloca-o no estado em curso e, após o estado devolução, com a conclusão do processo, passa ao estado fechado.


MODO DE FECHO DO PROCESSO DE PARTILHA DE RECURSOS

O processo deve ser fechado pelo porteiro afeto ao parque da pool. Para tal, este deve aceder ao menu Portaria > Gestão e escolher a opção Processos.

Neste ecrã, o início do serviço deve ser feito utilizando a checkbox por baixo da letra S e o fim do serviço, utilizando a checkbox por baixo da letra F.
 Ler também:
 Configurações - Pool - para Recursos
 Pool para Recursos - Manual